CorreriA


Todos vivem correndo
na rua
em casa
pela vida
pra quê tanta correria?
É a vida contemporãnea
ou seria pós-moderna?
Sei lá...
Olho o jornal on Line e
não enchergo passado nem futuro
é o presente sempre
cada vez mais repetitivo e
às vezes, Arcaico!
Mas viver faz parte da rotina
passa régua
passa brisa
e os amigos continuam correndo
não tem como parar a rede
até a gramatica formalíssima corre
...corre
...corre...
corre atrás dos estudantes,
dos analfabetos funcionais
não deixa ninguem saber tudo
pra quê?
O poder é vento que ninguem segura
é tão móvel e inexplicável que
nem a física soube descrever tal trajetória
são parábolas de segundo grau que
não se explicam nem simplificam
nossas mentes
mentes ansiosas por novidade...
é a regra do futuro..
é nossa temperatura de mil graus!
É correria

Comentários

  1. Poxa, você escreve tão bem, tão legal, tão bonito que chega a ser Chato.


    srsrs...



    Nós estamos adorando seu espaço. Muito bom!


    "é nossa temperatura de mil graus!
    É correria"

    Isso é lindo e verdadeiro e pos-moderno e um bocado de coisas mais...


    Nós podemos usar isso também?? Essa tua frase?



    Beijos vermelhos...


    Mi e ChicO!

    ResponderExcluir
  2. "risos risos risos pra festejar"
    Muito obrigada ChicO e Mileide...a poesia é assim, águas misturadas!
    Podem usar quais quiserem....as palavras são minhas e de todos!
    Agradeço sempre a visita e colaboração de vocês.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Seios de negra (por Solano Trindade)

Tranças em Dança

Consciência Negra